segunda-feira, março 23, 2009

Stockholm, 2009 Again

Não lhes concedo genialidade.
Porque há muito por onde escolher, dentro desta linha sonora.
Embora nem tenha a certeza que essa possa ser estabelecida com exactidão.
Ainda assim, é injusto que tivessem ficado na história recente, com floreados MTVianos, por aqui e aqui.
Muito porque, ao contrário de tanto que por aí há (e, curiosamente - ou não, produz legiões de cegos seguidores), os Peter Björn and John não permitem que, ouvindo um ou outro tema, se chegue à essência da coisa.
Aliás, nenhum disco (e já lá vão CINCO) consegue ser desvendado à primeira.
Agarra porque há sempre uma faixa mais lalala cha la la, mas há que ter curiosidade e ouvido mole para que, da próxima, não passemos directamente para esse tema... deixar, pois, a coisa correr.
Aí, caríssimos, começam as surpresas.
Há sempre um pling, um fong, um blén bléng ou um pi da da du que desperta os sentidos para além do imediatismo.
E, quando assim é, vale sempre a pena.
O Writer's Block deu-lhes, já depois do álbum homónimo (2002) e um curioso Falling Out (2005), a tal projecção que não foi para além do lalala cha la la, de que falava acima, em relação ao Young Folks...
Depois, veio um dos mais sanguinários golpes que uma música pode sofrer... ser parte de um anúncio de televisão (aliás, já choro pela Santogold e as suas Trident de melancia)...
Foi, assim, mais que natural que poucos dessem conta do Seaside Rock do ano passado. Talvez fosse experimentalista demais, talvez poucos estejam, nos tempos que correm, virados para álbuns instrumentais, talvez ninguém tenha paciência para contos populares suecos... em sueco!?
Eu cá... estou contente porque está aí o Living Things.
Não é assim uma alegria de gritar a plenos pulmões, de bradar a tudo e todos, de querer partilhar a todo o custo... essa, nunca me enganou, é a encapuçada de outra coisa que, se não é antónima, lá perto anda...
Esta é uma daquelas joys bem maneirinha, proporcionadita, de estampar um sorriso que mais indaga que promete.
Partilho, porém.
Porque é bonito.

8 comentários:

1entre1000's disse...

Boa partilha, sim sinhôreeeee pq esta bem agradável o album... e mais acrescento que o meu lado hormonal contava uma bela duma história ao mais moreno dos 3 ou melhor ao unico moreno dos 3... simplesmente Nhamie o rapaz... só não sei se ele é o Peter o Bjorn ou o John?!?!?!
Aguardo que este post lhes chegue às mãos dos mesmos... e leiam este coment pra entrarem em contacto comigo, portanto o meu nº de telefone é:
(não se podem deixar contactos pessoais aqui?!?!? oh fónix... nem deixam uma mulher extravazar um desejo um simples desejo...pppppppppppffffffffffffffff)

1entre1000's disse...

ha só mais um acrescento... não não é a minha morada...
este album não pode ser julgado pela capa... é das piores covers que tenho visto nos últimos tempos... se eu m oferecer a desenhar a próxima capa aos rapazes será mais um ponto para conhecer o moreno?
BOA, sou brilhante vou mandar um mail com o meu portfólio...

El Mariachi disse...

deixam deixam...

... aliás, eu já falei com o moçoilo sobre isso (desde a outra vez que mo tinhas dito) e ele é o John, se bem que o seu nome correcto seja ASBJÖRN RAGNVALD...
... mas está mais virado para camas onde se deitem os OLAFS da Península Escandinava...

Enfim, é outro Panda Bear meets our friend Owen Pallett

1entre1000's disse...

oh PORRA!
este tb?!?!?! assim desanimo...

rosa disse...

looooooooool

com um nomezinho desses, milinha, tira toda a graça da coisa.

if u know what i mean.

olha lá, por falar em bonecos, e que tal partilhares as tuas covers connosco?

El Mariachi disse...

issssssso é qu'era!

1entre1000's disse...

óh Róoooooooooza partilho o q quiserem... menos o trabalho actual, a saber: um expositar pra colocar no linear de grandes superficies afim de vender - LEDS, fechaduras biométricas, camaras e derivados...
Mau não vos parece?
Pois e faze-lo consegue ser de longe PIOR!

1entre1000's disse...

ha e rosa olha q o nome poderia muito bem ser um estimulo... LOL, ohmeudeusinternem-me!