segunda-feira, março 03, 2008

Em Abril, Mais Uma Porta Abrirá... Só Falta Mesmo que Entremos. Não é uma Questão de Vontade. É uma Questão de Bom Gosto!

Ana Bacalhau - "E agora, o Novo Hino Nacional. Ainda não é... mas há-de ser".
Referia-se a Movimento Perpétuo Associativo, uma letra do Pedro Martins, como todas as outras.
Cantou-o, então.
Fê-lo com trejeitos de uma boca que abre (muito) para mostrar, até lá ao fundo, duas fileiras de dentes alvos, direitinhos, para deixar saír uma voz surpreendente. Uma outra Lhasa de Sela com dedos de mãos pequenos, afilados, gesticuladores, um a um, teatral ela, portuguesinha de garra e trejeitos de "pêlo na venta". Não os vi, aos pêlos. Adivinhei-lhe uns pés bonitos, porém.
Em tom revolucionário, ouvia-se:

"Agora sim, damos a volta a isto
Agora sim, há pernas para andar
Agora sim, eu sinto o optimismo
Vamos em frente, ninguém nos vai parar!

Agora não, que é hora do almoço
Agora não, que é hora do jantar
Agora não, que eu acho que não posso
Amanhã vou trabalhar...

Agora sim, temos a força toda
Agora sim, há fé neste querer
Agora sim, só vejo gente boa
Vamos em frente, havemos de vencer!

Agora não, que me dói a barriga
Agora não, dizem que vai chover
Agora não, que joga o Benfica
E eu tenho mais que fazer...

Agora sim, cantamos com vontade
Agora sim, eu sinto a união
Agora sim, já ouço a Liberdade
Vamos em frente, é esta a direcção!

Agora não, que falta um impresso
Agora não, que o meu pai não quer
Agora não, que há engarrafamento
Vão sem mim...
..que eu vou lá ter..."

Ponhai-vos a fancos, meus caros. A Deolinda está aí daqui a um mês. Ou muito me engano, ou não será para todos, que as gentes andam duras de ouvido.

Ou ceguinhas, se nem as ilustrações do Fazenda forem capazes de "empurrar a coisa".

Ou parvas, mesmo!

9 comentários:

espalha brasas disse...

Nem todos têm os teus ouvidos, tão pouco a sensibilidade ou, para alguns, o simples "não fazer nenhum e ter todo o tempo do mundo para andar a descobrir coisas novas no panorama musical". Get it?

Anónimo disse...

em vez de ir fazer a revolução...

Tóne

espalha brasas disse...

Ya! Avante, Comandante Diaz!

Anónimo disse...

Mariachi, espero que não estejas esquecido das pistas do Jackie Chan. 10conhecido@gmail.com. Até breve...

Pica-bilhetes disse...

Esta tambem há-de ter de apanhar um comboio...
mais tarde ou mais cedo...
Cais do Sodre e PIMBA!
Toma lá morango!

El Mariachi disse...

Ó Pica...
...pra Barata Tonta que pensava seres, saiste-me um belo chato!

Pica-bilhetes disse...

Chato seria se vivesse num belo pubis, daqueles farfalhudos de senhoras de cor que vendem peixe na parte exterior da praça.
Eu cá sou só tarado...
Tarado!

(por acaso não passas logo no cais de sodre?)

El Mariachi disse...

Isto de ter quem nos amanhe o pargo mulato é do catano... não nos deixa tempo livre pra penicar petinga...
é chato!

João Torgal disse...

Já foi lançada a petição para tornar o tema "Movimento Perpétuo Associativo" dos Deolinda como novo hino nacional.
A petição pode ser lida e assinada em:

www.peticao.com.pt/hino-deolinda.

Porque é urgente reflectir...