terça-feira, fevereiro 03, 2009

The Horror... The Horror!

Kilgore: Smell that? You smell that?
Lance: What?
Kilgore: Napalm, son. Nothing in the world smells like that.
[Ajoelha-se]
Kilgore: I love the smell of napalm in the morning. You know, one time we had a hill bombed, for 12 hours. When it was all over, I walked up. We didn't find one of 'em, not one stinkin' dink body. The smell, you know, that gasoline smell, the whole hill. Smelled like... victory. Someday this war's gonna end...

Kilgore, ao som d'A Cavalgada das Valquírias, de Wagner, adorava o odor do napalm pela manhã.
Eu, tendo em conta que a alternativa possível é a puta da chuva há mais de quinze dias...
... também!

16 comentários:

Zorze disse...

Acho que é mesmo o Apocalipse...

Kaui disse...

Se vivesses ao pé de Sintra não ias estranhar... Tenho a casa à venda. Bye bye margem sul?!

El Mariachi disse...

AHAHAHAHAHAHAHA

Mina... desde que não há cavalo de jeito, sou carocho do Pinheiro Manso...

... preciso do botão off, que é a Ponte. E dEUS me livre ter o off na IC19, ou mesmo cabos d'Ávila...

A sério... nothing personal!

Master Of The Wind disse...

NÃO CONSIGO SECAR A ROUPA!!!!!!!

Kaui beijo-te muito de saudades.

Master Of The Wind disse...

Diaz, eu pensava que só chovia uma ou duas vezes por ano no deserto! Este tempo anda mesmo marado.

Anónimo disse...

Se o Mariachi vivesse perto de Sintra...tinha toda uma serra encantada por explorar, com mar vivo à volta...

O resto são detalhes...nada nem ninguém é perfeito e, aí é que está a graça!

Tóne

Master Of The Wind disse...

Toné... não digas isso ao Diaz senão ele começa já a ficar com as costas arqueadas e os pêlos eriçados... e ainda te arranha uma perna.

Kaui disse...

"Mina"? Vês, já falas como o pessoal cá da zona e tudo.

Master Of The Wind disse...

Olá Mina, quero tratar de ti
Dar-te este mundo e o outro tenho tudo aqui ;-)

rosa disse...

Ó chuva vem me dizer
Se posso ir lá em cima prá derramar você
Ó chuva preste atenção
Se o povo lá de cima vive na solidão

Se acabar não acostumando
Se acabar parado calado
Se acabar baixinho chorando
Se acabar meio abandonado
Pode ser lágrimas de São Pedro
Ou talvez um grande amor chorando
Pode ser o desabotoado céu

El Mariachi disse...

Tóne... estás enganado quanto ao não haver sítios perfeitos. Há. Chama-se Arrábida! E o Monte da Lua pode-se roer todo, mas nunca será o Monte do Sol!

Uma terra que tem vinho (Colares, que nem sequer compararei com um Alicante Bouschet da Casa Ermelinda Freitas ou um Bacalhôa de um ano qualquer) mas não tem queijinho queijinho de Azeitão para o provar é uma terra coxa!

E eu prefiro ver, do Convento, os fundos turquesa do Portinho em vez de... não poder ver nada por causa de uma nuvem cinzenta e perpétua.

Mas são gostos...

Anónimo disse...

Mariachi,

Tivéste muito tempo uma janela virada apenas para um dos lados da serra (tb bem bonito por sinal).
Não temos queijo,
Temos queijadas, travesseiros, pasteis de nata etc...e se quisermos... pão de Mafra...ou pão de Janas, pegas na bike e vais pelo pinhal buscá-lo para curar a reçaima das 2h30 a.m. enquanto derrete o saco de plástico.
Parece-me que distancias por aí são bem curtas ...pois não quis mencionar Cascais e por aí adiante (falando em sol)

Co-incineração + Cimenteira tb são património??

Segundo uns Botânicos Hungaros que passaram por aqui no monte da lua há uma mão cheia de semanas, há aqui espécies oriundas por exemplo da Nova Zelandia mas maiores...outras, extintas e aqui pujantes...oriundas de disputas de D. Fernando e do Sr. Cook.

Cada pedra desta serra tem uma história para contar...um dia vamos subi-la à noite, vamos ao castelo, ou ás lagoas...

Um pic-nic quem sabe na rocha do elefante como à bem pouco tempo...

Qdo falo de serra, não é da serra das minas, como imagino k não estejas a falar daacotovia, venda nova ou carrasqueira...

Desafio-te !!um dia vou mostrar-te ranholas....há mais do que akilo que conheces...e não tou a falar do Ramalhão.

Um saloio Abraço

Tóne

El Mariachi disse...

... Vê a coisa pelo lado positivo: Terei, no futuro, mais rugas que tu! Mas sofrerei menos de reumático, qu'isso das úmedádes as úmedádes é as úmedades...

E, sendo botânico, deverias saber que eu te chamaria a atenção para o Último Reduto de Floresta Mediterrânica, com espécies autóctones de sobra para que Espinhaço de Cão se envergonhe de ter só Esteva!

Uma sorridente piscadela d'olho em cara curtida pelo sol...

Kaui disse...

E quando forem ao castelo eu vou-me agarrar a vocês tal como um carrapato :) Que saudades tenho de subir ao castelo de madrugada... Borradinha de medo é certo, mas a adorar cada minuto. Era como brincar aos Cinco, mas na adolescência... Tipo série a série de aventuras da Enid Blyton com os Morangos com Açúcar (1ªa Série :))

Anónimo disse...

ah pois....jé me esquecia....

E o marisco???

pois é!!!

Tóne

Master Of The Wind disse...

Toné tens de fazer uma visita guiada ao pessoal.