quarta-feira, dezembro 10, 2008

10 After

Dez anos depois do Nobel, que já veio tarde, José Saramago continua a ser The Man They Love To Hate.
Ainda bem.
Os Melhores do Mundo não se prestam a meias-medidas.
Só o Grande Pessoa é gajo para se gostar, odiar, mas também gostar medianamente.
Talvez seja por ter sido descoberto depois de morto.
Como quase todos.
Saramago não.
Está vivo.
Provavelmente, não por muito mais tempo.
E é gajo que ou se ama ou se odeia.
E isso, venha quem vier, é ser-se Maior.
Acusado de ser Persona non Grata por viver nas Canárias, por um Povo non Grato que desconhece as razões que o levaram a isso, Ti Saramago continua a escrever na Língua Mátria e a ver traduzido Português de Portugal em quantas línguas possíveis.
É, pois, teimoso.
Os leitores de Paulos Coelhos e Danielles Steeles acusam-no de não usar pontos.
É uma argumentação ridícula e analfabeta.
Os que assumem o seu analfabetismo ao não conseguirem ler, com agrado, uma contrução frásica longa e complexa, ficam-se pelo tem Mau Feitio.
Tem sim senhor.
Mas o Miguel Sousa Tavares também é das pessoas mais odiosas (sem ter a desculpa da idade), e os seus livros vendem-se a si próprios.
Nobel, porém, só quando a Humanidade estiver AINDA MAIS perdida.

7 comentários:

Zorze disse...

Saramago é absolutamente genial; e quem lê Paulos Coelhos que se contente com migalhitas - é a pior merda mais redundante e linear que existe!

1entre1000's disse...

é um senhor, ainda que já me tenha irritado numas quantas tiradas... se o desculpo? não sei... aliás nem para ele eu lhe faço diferença por isso vivo bem com isto...
há e o miguel gramo-o.

El Mariachi disse...

És terrível...
...Só porque o homem é do FCP, pá!
BOLAS!

Mr. Haesitatione disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Mr. Haesitatione disse...

Como dizia, outrora, a ministra da cultura espanhola: "Gosto muito da escritora Sara Mago"...

Anónimo disse...

Exacto, Mr. Haesitatione tirou-me as palavras... do teclado ;-) Foi uma tirada daquelas LOLOLOLOL Mas ainda assim reverência ao Pessoa, ele há gostos!
Freaky

Master Of The Wind disse...

Eu gosto do "O principezinho"... tás a ver... e quem não leu? Nunca teve um Nobel!