quarta-feira, agosto 27, 2008

We Should Arrange Some More Info Exchange

Estava eu descansadinho da vida, a digerir uma bela cachupa, tipo anaconda a digerir um Ianomami qualquer que apanhou no caminho diário de Itacaré para Imanhambó, quando sou confrontado com a pergunta "Vê lá se sabes quem canta nesta faixa".
Enganei-me e soltei um Jarvis Cocker quando queria dizer, obviamente, Brett Anderson!
Gostei e fui tentar SACAR ILEGALMENTE alguma coisa dos Pleasure.
Nada!
Mariachi Intrigado dIAZ põe-se então a ver o que andaria o seu ídolo em teenager (ainda que hoje lhe custe a acreditar que idolatrara um gajo que cantava assim mas, enfim, também há gente que gosta de Xutos, Vaya Con Dios, Motorhead e ache que isso é cool) a fazer.
Certezas? Uma, apenas. Este tema não consta do seu álbum a solo, homónimo, de 2007!
É então que... PÂNICO!
Brett Anderson tem um disco editado este ano?
Wilderness???
E o dIAZ não sabia de nada???
Como vou encarar os meus amigos?
Punição: Vou ouvir TODOS os discos dos Coldplay de seguida, mesmo que isso dure até à hora em que começa o Viriato 25 na Radar.
Tem que ser!
A auto-disciplina é muito importante!
Bem, com tudo isto, já me esquecia...
... afinal, quem são os Pleasure???
São isto e isto, pelo menos.

8 comentários:

Anónimo disse...

muito bom obrigado pela informação....deixo também a minha compaixão por na altura gostar e (desiludido depois de ver este video em VHS) onde o Bret abana a peida desta maneira e enfia microfones mas TÀ-SE BEM...antes isto do que os WHAM!!!

http://www.youtube.com/watch?v=B_yGg-E9Gc8

ZAN

Espalha Brasas disse...

Então, Diaz! Que porcaria é esta dos Pleasure?? Os violinos e piano do Brett, acho bem, estás a fazer serviço público. Agora aquela coisa... Tss tss...

Zorze disse...

Existem, pelo menos, duas bandas com o nome Pleasure. A primeira data dos anos 70 e vagueia no acid jazz/funk. A segunda, esta de que se cura aqui, é norueguesa e o pianista faz parte dos elementos presentes no segundo, e não no primeiro como diz o Diaz, álbum de Brett Anderson.

Quando à paneleirice que fala o anónimo é importante lembrar que os melhores álbuns dos Suede são os dois primeiros, altura em que o Bernard Butler (guitarrista) ainda fazia parte do grupo. O Asphalt World espelha a genialidade que brotava da cabeça dos dois amantes.

O tema Stay Together, aquando a banda se gostava de intitular The London Suede, foi um dos mais magníficos singles composto pelos dois músicos e até dava gosto de ver o Brett com aqueles meneios de puta - estava no auge!!!

Ainda a propósito disto, parece que quanto mais bicha se é melhor parecem resultar as coisas - basta olhar para o Rufus!

O Coming Up, numa onda muito glam, é dos discos mais rápidos e enérgicos que já ouvi - muito bom, mas já se começava a sentir a falta do Butler.

Isto continua até ao New Morning, último álbum dos Suede, onde o Butler se refugiou na sua casa de campo e se entregou à leitura doentia de grandes autores como Bret Easton Ellis - o disco tem alta maturidade, mas resulta num fiasco de vendas.

Apesar de tudo, os Suede têm de ser respeitados. Pelo menos, por ainda nos trazerem aquele importante carinho saudosista.

Acho que falta aqui salientar que as versões Pleasure e B Anderson são bem diferentes como diz a Espalha - sem querer desmancha prazeres, gosto um pouco mais da versão dos Pleasure.

E quanto ao Wilderness é um disco intimista, despretensioso e muito melódico que, felizmente, nos mostra um Brett Anderson quase tão bom como no início da década de 90, altura em que, como diz o anónimo, enviava microfones; hoje, por curiosidade, namora com uma mulata bem gira!

Zorze disse...

E A VIOLONCELISTA DO BRETT ANDERSON...

http://www.brettanderson.co.uk/

shiiiiiiiiiiiiiiiiitttttttttttttttttttttttttttttt...

Zorze disse...

Melhor ainda:

Amy Langley

http://profile.myspace.com/index.cfm?fuseaction=user.viewprofile&friendID=72175265

ah pois é!!!

El Mariachi disse...

Meu caro ZORZE... que espécie de analfabetismo é esse???

Quem é que falou em algum pianista presente no Wilderness??? Eu falei de UM TEMA que só figura NO SEGUNDO ÁLBUM e EM MAIS TRÊS BOOTLEGS da digressão do menino...

E essa cena de Velho do Restelo de "ah os Suede é que são bons" também não abona a teu favor!
São bons, sim senhor, mas os Pleasure e tudo o que nessa linha venha, desde os Vive La Fête aos Fisherspooner, sem entrar em exageros comerciais como os Scissor Sisters e muito menos na cacofonia a que leigos ávidos de modernismo chamarão de minimalismo dos Buraka... são bem vindos!

Anónimo disse...

O que ue gosto mesmo é de filmes pornograficos

Zorze disse...

(lol) Sou fã da Dani Woodward!