quarta-feira, junho 11, 2008

Custa-me ter de falar de política, mas obrigam-me!

Como representante da nossa Raça, o Dr. Cavaco é um RAFEIRO!
Como economista, provou ser, embora só muitos anos depois do seu mandato feito à sombra das tetas da vaca-UE, o que faz com que muita gente (quase toda a gente), não o relacione com o actual estado das coisas, ESTÚPIDO que nem uma ema (avestruz, vá, para não entrarmos em exotismos).
Como humano, status quo ainda por provar, porque errar é-o mas diz que disse "Nunca me engano e raramente tenho dúvidas", Dr. Cavaco é meramente imbecil.
E, como no seu doutoramento em Economia a História é outra, há que ensinar qualquer coisa ao menino, já que a mãezinha não o educou de forma a comer Bolo Rei de boca fechada (não se lembram, pois não? Memória curta, é o que é).
Pois bem... em 1816, Portugal era Reino Unido de Portugal, Brasil e Algarves. Sendo que a definitiva conquista da província al-gharb al-Andaluz, à espada de D. Sancho III, data de 1249, é fácil de concluir que foram 567 anos de evidentes diferenças culturais entre algarvios (onde se incluem, obviamente, os de Boliqueime) e os restantes portugueses.
Por isso, Dr. Cavaco, antes de falar de Raça Portuguesa, na qual só um indivíduo com menos de 50 de QI pode acreditar, lembre-se disto:
Mesmo que existisse, e imbuído desse espírito, eu era o primeiro a ir à sua caravana comprar dromedários...

...meu grande camelo!

3 comentários:

Espalha Brasas disse...

Em que é que ficamos: rafeiro ou camelo? Ou é um camelo rafeiro?

Zorze disse...

Lolada, muito bom, esse cavaco é um palhaço do caralho!!!

Anónimo disse...

eu lembro-me bem

http://www.youtube.com/watch?v=KOWmcmbGp18